23 de jun de 2015

DÔTÔ SERGIO MORO DE NOVO !!!!!!!!!

Publicado em 23/06/2015

Secretário de FHC
defende empreiteiras

Onde já se viu inidoneidade de empresa ? O Moro já viu…​



Amigo navegante chama a atenção para trecho do post em que o Ministro Dipp desmonta a lógica do Juiz da Vara de Guantánamo.

Trata-se de observação do Secretário da Receita Federal no Governo Fernando Henrique, Everardo Maciel, probo servidor público que atravessou as múltiplas crises de corrupção do Governo do Príncipe da Privataria sem se macular.

Assim como o Ministro da CGU, Valdir Simão, e Luiz Inacio Adams, Advogado Geral da União, Maciel distingue os corruptos e os corruptores das empresas: Maciel não consegue compreender inidoneidade de pessoa jurídica.

Mas, o Moro consegue !!!


O ex-secretário da Receita Federal Everardo Maciel participou do debate e defendeu as empresas, ao criticou o caráter “impeditivo” representado pela exigência da certidão negativa de débito para pessoas jurídicas, que se veem proibidas de contratar com o setor público e participar de certames licitatórios. “O Supremo já disse reiteradamente que isso é sanção política, e, portanto, as normas são inconstitucionais, mas a certidão negativa permanece absolutamente sendo exigida todos os dias. Não consigo compreender ‘a inidoneidade’ de uma pessoa jurídica. Que se apliquem penas à pessoa física, que se multe a empresa, mas a empresa é algo mais complexo. Ela se insere numa cadeia de negócios, envolve empregados, envolve fornecedores, portanto, é um ente bem mais complexo”, afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Voltar para o topo